Conexão, sincronicidade e memória ancestral. Qual seu caminho?

Facebook
Twitter
Pinterest

Seja a luz tão bela como um lindo arco íris, onde nasce no mistério e numa beleza esplêndida! Que guia para caminho de transição de transformação interna.

Até mesmo a escuridão tem sua esplendida beleza, de encontrar e conectar tudo aquilo que é belo por si só, e por sua simplicidade que e muitas das vezes é esquecido quando estamos diante de luz, ao nos mostrar é afirmar o que de fato tem importância e sentido real, compreendendo elementos de nossa própria consciência e sabedoria sobre nosso ser interior.

Um ser que viva apenas uma dimensão física, é um ser que se perdeu todos seus elos, convém estar conectado com sua própria ancestralidade, afim de ter um sentido real para sua própria existência.

É condizente dizer que escuridão mostra nossos conflitos, a ponto de ao enxergar de perto despertar para uma luz ainda mais vibrante que o universo possa emanar, ou até mesmo perder o caminho por muito tempo, mais nada e imutável, nada e para sempre tudo tem momento e a hora, cada qual em sem momento, e cada qual para própria evolução como ser encarnado e espiritualizado.

Os passos são dados, cada momento e cada pessoa que encontra em nossos caminhos, são elos de ligação energética de sincronicidade, pois o todo são energia cósmica e tudo está como mecanismos para fluxo maior para evolução do universo como um todo.

Assim como rio nunca será o mesmo, nós nunca seremos o mesmos. A pedra de grande força, que transcende além do tempo a elementos metálicos que possibilitam a compreensão e entendimento de alcançar cada passo e seguir nossa verdadeira força, que está dentro de cada ser, e necessário despertar para uma nova concepção e entendimento em quase totalidade das vezes.

O pássaro nos guia para elo de continuidade, um elo de conexão com tudo mais sagrado que existe, com os espaços e campos energéticos do universos e seres a energia terrenas,  com tudo aquilo quer surgiu em muitas gerações, estar vibrante essas energias no campo da matéria física, são passos e pontos de entendermos a uma consciência extra-fisica que diante do criador, nos permite conectar com todos os seres e ancestralidade das gerações por meio deste fluxo energético que podemos encontrar, dando ainda mais significado e sentido, alinha aos nossos propósitos.

Esse acesso se dar para todos, porem nem todos possibilitam esse acesso. não por limitação do sagrado a seres, mais por conta que as pessoas não conseguem sentir  e despertar para essa caminhada, cada qual com sua real determinação e caminho. Guiada pelo amor e energia da natureza.

Ao despertar para este caminho, é estar despertando a curando de seu passado, presente, e vivendo o agora ativando todo o poder ancestral.

 

Orunmila Gbe Wa! (Que Orunmila lhe abençoe

Escrito por : Awô IfáOjuwerun ( Gustavo Rocha)
Sacerdote de Ifá

Gostaria de Receber conteúdos exclusivas Yoga, Meditação?

*Sempre que sair conteúdo novo, será notificado

Gostaria de Receber conteúdos exclusivos em primeira mão?

*Sempre que sair conteúdo novo, será notificado